Aprendizagem escolar e práticas alimentares saudáveis em Mogi das Cruzes - Mogi das Cruzes, SP, Brasil

Foto: © Sergio Amaral/MDS

Foto: © Sergio Amaral/MDS

O Programa de Alimentação Escolar de Mogi das Cruzes busca integrar a aprendizagem e o rendimento escolar com o desenvolvimento social das crianças e com a promoção de práticas alimentares saudáveis. Nas escolas, são realizadas ações de educação alimentar e nutricional, associadas a refeições que cobrem as necessidades nutricionais durante o período letivo.

Na prefeitura, o Departamento de Alimentação Escolar realiza visitas mensais de supervisão e orientação às unidades e tem como responsabilidades:

- A padronização de cardápios e receituários para as creches e escolas, com substituições e aproveitamento dos alimentos;

- A elaboração dos cronogramas anuais de entrega de diferentes gêneros alimentícios;

- A preparação de cardápios especiais para as crianças portadoras de patologias como diabetes, fenilcetonúria, intolerância à lactose, anemia e desnutrição;

- A elaboração e distribuição do Manual de Boas Práticas Alimentares para todas as escolas da rede municipal de ensino e entidades filantrópicas;

- A realização de pesquisa de consumo alimentar (geral e per capita, por região).

Alimentos produzidos na região como caqui, cogumelo, alface, tomate e ovo de codorna foram inseridos no cardápio, proporcionando um ganho significativo na qualidade da alimentação oferecida aos alunos, além de criar um novo canal de escoamento da produção agrícola local, melhorando a geração de renda no campo.

Em 2010, a merenda escolar de Mogi das Cruzes foi considerada pela ONG “Ação Fome Zero” como a melhor do Estado de São Paulo. E um dos pontos principais que resultaram na premiação da cidade foi a inclusão de produtos agrícolas cultivados na cidade na alimentação das crianças. Por dia, são preparadas 90 mil refeições nas escolas e creches municipais e conveniadas (além de lanches e cafés da manhã e da tarde), preparadas por 455 merendeiras.   

O município de Mogi das Cruzes é responsável por cerca de 80% dos recursos financeiros destinados à manutenção do Programa. O Governo Federal, por intermédio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação – FNDE, repassa ao município cerca de 20% dos recursos financeiros necessários para a compra dos gêneros alimentícios da merenda escolar.

Eixo
Educação para a Sustentabilidade e Qualidade de Vida
Dimensão
Cidade saudável
ODS
Objetivo 4
Objetivos

• Preservar e promover a saúde do escolar;

• Melhorar a capacidade de aprendizagem;

• Formar novos hábitos alimentares saudáveis;

• Reduzir os índices de evasão escolar;

• Implementar programas de assistência alimentar às crianças com diagnóstico de desnutrição, diabetes, intolerância à lactose e outros.                    

Cronograma

• 2009: início das mudanças e introdução de produtos produzidos na região na alimentação escolar;

• 2010: a merenda escolar de Mogi das Cruzes é considerada pela ONG “Ação Fome Zero” como a melhor do Estado de São Paulo;

• 2011: realização do 1º Concurso de Receitas Culinárias do Sistema Municipal de Ensino de Mogi das Cruzes

Resultados

• Ganho significativo na qualidade da alimentação oferecida aos alunos, além de um canal de escoamento da produção agrícola local, melhorando a geração de renda no campo;

• Por dia, são preparadas 90 mil refeições nas escolas e creches municipais e conveniadas (além de lanches e cafés da manhã e da tarde);

• O programa envolve creches municipais, pré-escola, ensino fundamental, escola de tempo integral, creches subvencionadas e projetos sociais, totalizando, em 2013, 237 unidades atendidas e 47,627 alunos;

• Em Mogi das Cruzes, os valores nutricionais do cardápio diário (período parcial) atingem 639 calorias e 19 gramas de proteínas (as recomendações dos técnicos do Programa Nacional de Alimentação Escolar é de, no mínimo, 15% das necessidades nutricionais dos alunos, o que corresponde a um valor nutricional de 450 calorias e 14 gramas de proteínas) - (dados de 2012);

• Os alunos do Ensino Fundamental que fazem parte do Programa Escola de Tempo Integral ficam nove horas na escola e, além das aulas, participam de atividades culturais, esportivas e intelectuais. Todos recebem 5 refeições balanceadas;

• Visando garantir a qualidade dos alimentos oferecidos, o Departamento de Alimentação Escolar estabeleceu um conjunto de normas e procedimentos no controle de qualidade dos gêneros adquiridos e as empresas prestadoras de serviços devem realizar laudos microbiológicos, microscópicos e bromatológico de laboratório qualificado e laudo de inspeção sanitária;

• O Departamento e o Conselho Municipal de Alimentação Escolar realizam testes sensoriais e de aceitabilidade dos alimentos entre os alunos atendidos pelo programa, que não podem apresentar um índice inferior a 85%;

• Após a aprovação, a compra é realizada por meio de Pregão para Ata de Registro de Preços;

• Adesão da prefeitura à Campanha da ONU “Diga Não ao Desperdício”;

• Valorização profissional das merendeiras por meio de cursos de capacitação, Troféu Cozinha Destaque, concurso de receitas e Prêmio Gestor Eficiente da Merenda Escolar.

Instituições Envolvidas

• Departamento de Alimentação Escolar / Secretaria Municipal de Educação

• Unidades educacionais

• Pequenos produtores locais

• Professores e merendeiras                   

Contatos

Departamento de Alimentação Escolar (DAE)

E-mail: [email protected]

Tel: (11) 4727-1250

Fontes

http://www.sme.pmmc.com.br/site2011/index.php?option=com_content&view=category&layout=blog&id=996&Itemid=145#.UFnrdrJlQYw

http://www.sme.pmmc.com.br/site2011/index.php?option=com_content&view=article&id=49:departamento-de-alimentacao-escolar-dae&catid=939&Itemid=34#.UFnb5LJlQYw

http://www.mogidascruzes.sp.gov.br/agricultura/merenda.php

http://www.mogidascruzes.sp.gov.br/comunicacao/noticia.php?id=4451

http://www.mogidascruzes.sp.gov.br/comunicacao/noticia.php?id=2403

http://www.sme.pmmc.com.br/site2011/index.php?option=com_content&view=article&id=483:numero-de-alunos-atendidos&catid=996&Itemid=106#.UFoAH7JlQYw

http://www.acaofomezero.org.br/Paginas/Home.aspx

http://www.sesisp.org.br/forum-internacional/alimentacao/pdf/20/14_10_Boas_Pratica_a_Experiencoa_de_Mogi_das_Cruzes_Maria_Helena_Cecin_Resek_Albernaz.pdf

http://www.cidadessustentaveis.org.br/downloads/apresentacoes/BP-Mogi_das_Cruzes.pdf