A Cidade das Crianças - Roma, Itália

Foto: © pixabay.com/miltonhuallpa95

Foto: © pixabay.com/miltonhuallpa95

Na contramão da interpretação comum sobre educação infantil, desde o início (1991/Itália), o projeto teve uma motivação política: trabalhar por uma nova filosofia de governança da cidade, tomando as crianças como parâmetro e garantia das necessidades de todos os cidadãos. Não se trata de aumentar os recursos e serviços para a infância, se trata de construir uma cidade diferente e melhor para todos, de maneira que as crianças possam viver uma experiência como cidadãos autônomos e participativos.
Eixo
Melhor Mobilidade, Menos Tráfego
Dimensão
Cidade pública e interessante
ODS
Objetivo 3
Objetivos
Tornar possível que crianças possam sair de casa sem ser acompanhadas, encontrarem seus amigos e brincar em espaços públicos da cidade: desde o quintal de casa, calçada, praça ou jardim. A necessidade de ter sempre o controle direto dos adultos impede que elas possam viver experiências fundamentais, como explorar, descobrir, aventurar-se, surpreender-se e construir conhecimentos a partir disto.

Cronograma
Início em 1991
Resultados
Cidades e escolas ao redor do mundo passaram a adotar o projeto e criar grupo de trabalho "A cidade das crianças" na estrutura governamental para pensar as políticas de forma inclusiva.
Instituições Envolvidas
Consiglio Nazionale delle Ricerche -Istituto di Scienze e Tecnologie della Cognizione
Contatos
Roma 
teléf. 0039 06 44595286
Fontes
http://www.lacittadeibambini.org
Boas práticas relacionadas